RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

domingo, 30 de julho de 2017

QUANDO ÁGUIAS ENSINAM ANJOS A VOAR


Por/ Walter Tertulino

Podemos erguer os olhos aos céus
Bradar gritos em  uníssono  e nunca em vão,
Desta vez grita o povo da selva,
da relva,
de pedra,
do mato da Amazônia
que muitas vezes se vê como uma zona
onde o IBAMA esperanças toma,
mas agora brada o sentimento da gratidão
esse brado jamais será cafona.

Posso me orgulhar de ter vivido
Nos tempos que brilhou e rebrilhou Pai Velho
Lamentar  por ter vivido
Contido,
Reprimido,
Quase mesmo escondido,
Nos tempos do açougueiro Joesley
Mas sempre minhas divagações serão direcionadas
Para lembrar dos feitos da coragem  dos águias

Águias não existiram antes de Pai Velho
Perdoem o exagero, mas nem D’umont foi tão assim
Pois orientou  apenas que os águias poderiam voar
O voo de D’umont foi breve,
Leve
Assim se escreve
Enquanto o de Pai Velho durou décadas
Percorrendo milhares de tempos na ampulheta
Quem escondesse a admiração pelos feitos dos águias
Era somente ai que Pai Velho ficava B...

A proa indica o norte para o céu
Silenciam e reverenciam os águias menores
Para exaltarem o ultimo voo do águia-mor
Pra o voo derradeiro
Sobranceiro
Em céu de Brigadeiro
Pai Velho nesse gigante céu de anil
Orgulha o Amazônida, orgulha o Pará
Eleva o Brasil!

Pai Velho o ícone e orgulho da aviação
Intercede pela proteção dos águias menores
Tua missão não acabou por aqui não...
Não foi em vão,
Ilusão,
No céu ainda  serás aproveitado
Em algo de grandeza exemplar,
Quando a terra perde um justo
Conta-se no céu um anjo a mais
E é hora meu bom Pai Velho lá no céu
Começar a ensinar, Anjo voar







terça-feira, 25 de julho de 2017

Prefeito de Tucuruí, Jones William, é executado em atentado a tiros

Prefeito de Tucuruí, Jones William, é executado em atentado a tiros (Foto: Michel Garcia)
O prefeito de Tucuruí, Jones William (PMDB), foi executado, vítima de uma emboscada e atentado a tiros na tarde desta terça-feira (25), no bairro Cristo Vive, em uma estrada que dá acesso ao aeroporto da cidade.
Segundo informações de testemunhas, o prefeito foi alvejado com pelo menos cinco tiros, sendo que alguns disparos atingiram a cabeça.
Jones William foi resgatado ainda com vida, porém, de acordo com a direção do Hospital Regional de Tucuruí, não resistiu aos ferimentos e chegou sem vida ao hospital. O clima é de medo, em Tucuruí.
No local do crime, ficaram para trás o automóvel do prefeito e um chapéu, manchado de sangue e restos de massa encefálica, usado por Jones William no momento do atentado.
Ainda de acordo com testemunhas, dois homens em uma motocicleta cercaram o prefeito e efetuaram os disparos, fugindo logo em seguida. Até às 18h, os autores do crime não foram identificados.
Jones William foi eleito prefeito de Tucuruí, em 2016, com 53.50% (31.268) dos votos.
Consórcio
O município de Tucuruí integra o Consórcio de Municípios Alagados pelo Rio Tocantins, juntamente com outros dois municípios que tiveram os prefeitos mortos neste ano: Breu Branco, que tinha a administração municipal comandada pelo por Diego Kolling, e Goianésia do Pará, que era gerido por João Gomes da Silva. 
Além dessas três cidades, o Consórcio é integrado pelos municípios de Novo Repartimento, Jacundá, Itupiranga, e Nova Ipixuna.
Jones William era o presidente do Consórcio e Diego Kolling era o vice-presidente. 

-QUE CULTURA!!!

HERRAR É UMANO

quinta-feira, 20 de julho de 2017

OPERADOR DO DIREITO À MARGEM DA LEI


Por/ JESO CARNEIRO
JUSTIÇA ORDENA BUSCA E APREENSÃO EM CASA DE ADVOGADO
Violência doméstica: Justiça ordena busca e apreensão em casa de advogado, Rodrigo Jennings

A Justiça expediu mandado de busca e apreensão na residência de um advogado em Santarém. O caso tramita na Vara de Violência Doméstica e Familiar contra Mulher. A decisão foi proferida pelo juiz Vilmar Durval Macedo Júnior no dia 14 de junho. O site Jeso Carneiro apurou que o alvo é Rodrigo Jennings de Oliveira, advogado, e a vítima Geise Carolina Caldeira

O juiz determinou que o mandado fosse cumprindo com ‘ponderação e calma’ pelo oficial de justiça, mas que, se preciso, ‘poderá arrombar portas e requisitar reforço policial’. No último dia 3, os autos do processo em que o advogado aparece como réu, e que estava em poder dele desde o dia 31 de maio deste ano, foram apreendidos na sua residência.

Rodrigo Jennings reponde ação penal pelos crimes de ameaça e violência doméstica, processo (nº 0011822-75.2014.8.14.0051) em tramitação no Fórum de Santarém desde setembro de 2015. 

CORPO DELITO 
Embora tenha devolvido os autos do processo sem oferecer resistência, o advogado não teria entregues os CDs nos quais estariam gravados depoimentos das partes envolvidas no caso, realizados nas audiências de instrução, e nem um laudo de exame de corpo delito, conforme atestou o diretor de secretaria da Vara de Violência Doméstica.
Violência doméstica: Justiça ordena busca e apreensão em casa de advogado, Mandado de busca e apreensão
Obs. Título RP



quarta-feira, 12 de julho de 2017

PEGARAM A RATAZANA

Moro condena Lula a 9 anos e meio de prisão (Foto: Filipe Araújo)

Moro condena Lula a 9 anos e meio de prisão


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado, nesta quarta-feira (12), a 9 anos e 6 meses de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá (SP). 
A sentença do juiz Sergio Moro é a primeira contra o petista no âmbito da Lava Jato. 
Caso a condenação seja confirmada em segunda instância, pelo TRF (Tribunal Regional Federal), Lula poderá ser preso e pode ficar inelegível. O tribunal leva, em média, cerca de um ano e meio para analisar as sentenças de Moro. 

terça-feira, 11 de julho de 2017

Jovem quase é degolado por linha de pipa com cerol

Jovem quase é degolado por linha de pipa com cerol (Foto: Via WhatsApp)
No último domingo (09), o estudante Mateus Barreto, de 18 anos, quase morre após ser atingido por uma linha de pipa com cerol na cidade de Uruará, sudoeste do Pará. Ele trafegava em sua moto quando a linha atingiu sua boca e, por pouco, não alcançou o pescoço. "Se pega no pescoço, ele provavelmente teria morrido", explicou Walace Barreto, irmão da vítima.
O jovem atingido foi levado às pressas para o hospital da cidade, onde foi atendido e recebeu 15 pontos para conseguir estancar o ferimento. Ele está tomando medicamentos anti-inflamatórios e, segundo informações apuradas junto ao hospital de Uruará, foi feito uma limpeza no rosto da vítima para retirada de fagulhas de vidro que estavam dentro do ferimento.
O incidente reascende o sinal de alerta para motociclistas, ciclistas e quem gostar de "empinar papagaios" neste verão. Em Altamira, duas pessoas já foram parar em hospitais com ferimentos causados pelas linhas de cerol.
Cuidados na hora de empinar pipa
- Não use linhas com fio de cobre ou cerol; prefira as de algodão;
- Tenha atenção a motocicletas e bicicletas;
- Não solte pipas perto de fios ou antenas para evitar choques elétricos;
- Não solte pipas em dias de chuva ou relâmpagos;
- Não retire pipas presas em fios de transmissão de eletricidade ou árvores, nem faça pipas com papel laminado, pois o risco de choque e acidente é grande;
- Se a linha quebrar, não corra atrás da pipa sem observar se o caminho é seguro, como atravessar ruas e passar por buracos, para evitar acidentes;
- Evite colocar caudas muito longas nas pipas, já que elas podem fiocar presas em algum lugar, como fios elétricos.
(Com informações de Felype Adms)

sexta-feira, 7 de julho de 2017

SUSSUARANA CONTRA A OPRESSÃO A DOMINAÇÃO E A MISÉRIA FALA O QUE NOSSO POVO QUE FALAR E NINGUÉM QUER OUVIR

PARÁ - CARRETAS CEGONHAS COM CARROS DO IBAMA, PEGAM FOGO!! EM REPRESÁLIA, IBAMA FECHA TODAS AS SERRARIAS NO SUDOESTE DO ESTADO!NORTON SUSUARANA

Chega de sofrer pela mão pesada do Estado, o mesmo que não sabe administrar nossos impostos, que não consegue dar educação, saúde e segurança, mas é pesado quando vai fiscalizar ações de terceiros, deixando, porém, suas obrigações ao léo e/ou em mãos de OGNs (os verdadeiros bandidos, em sua grande maioria!) e OSCIP e sempre dizendo que nossos trabalhadores são criminosos!!
Há muito tempo nossa região vem sofrendo com o descaso e total abandono do governo federal e estadual; são estradas intrafegáveis, colonos passando fome e necessidade por terem atendido a um pedido do governo federal na década de 70, com o famoso slogan 'Integrar para não entregar'. Porém, o Estado que permitiu a ocupação, agora vem destruindo patrimônio alheio através de bandidos travestidos de servidores do IBAMA, que tocam fogo nos maquinários e depois tiram fotos sorrindo. Essas operações têm sempre o acompanhamento da grande mídia do sudeste brasileiro, como Rede Globo e Folha de São Paulo.



E, como uma hora tudo cansa, principalmente quando se destrói um bem caríssimo por pura maldade, o troco vem à galope, sendo que o sinal desse cansaço vinha sendo dado desde Santo Antônio de Matupi/AM, que não permitiu a passagem e pouso de helicópteros na comunidade, conforme imagens ao lado.
Novo Progresso/Pa
Portanto, diante de tantas atrocidades dos servidores do IBAMA/ICMBio que, após queimarem serrarias, caminhões, dragas de garimpo, e outros maquinários, vão almoçar tranquilamente como se nada tivesse ocorrido, o povo resolveu utilizar das mesmas táticas do IBAMA/ICMBio e tocou fogo em duas carretas cegonhas, cada uma com oito viaturas, no posto de combustível de nome Glória, em Cachoeira da Serra, distrito de Altamira/PA, nesta madruga da do dia 07. O incêndio ocorreu perto da Floresta Nacional do Jamanxim, uma região onde o Ibama realiza fiscalizações constantes contra o desmatamento ilegal e garimpos irregulares. A área é disputada e recentemente esteve no centro de uma polêmica sobre a ocupação da Amazônia, graças a uma medida provisória que poderia mudar suas fronteiras.

O projeto foi muito criticado por ambientalistas e no dia 19 de junho, foi vetado pelo presidente Michel Temer, que resultou em protestos de produtores rurais da região, que chegaram a interditar a rodovia BR-163.


Os carros eram de uma empresa terceirizada, que levaria a frota para a sede do Ibama em Santarém, no oeste do Pará.

A destruição dos maquinários e serraria gerou muita comoção e revolta nas comunidades onde ocorreram essas barbaridades, principalmente em Moraes de Almeida que, apesar do agente do IBAMA prometer que não iria tocar fogo não serraria, não cumpriu tal promessa.

Em entrevista concedida a um jornal de Novo Progresso pela Coordenadora do IBAMA, Maria Luiza, esta afirma que bens apreendidos em local de difícil acesso serão destruído e a lei ampara. Ora, se o IBAMA/ICMBios podem alocar diversos helicópteros e viaturas para essas operações, como não podem retirar os maquinários? Sabe-se que a destruição obedece 'ordens' de ONGs, organizações em sua maioria usada para desviar recursos públicos, e que nunca colocaram os pés na região para saber as necessidades e carências de nosso povo!

Uma equipe da Polícia Federal será deslocada de Itaituba, que fica a 595 km da localidade de Cachoeira da Serra, para investigar o caso. O inquérito deve ser aberto na Polícia Federal de Santarém.

E, como é de praxe nas ações do IBAMA, TODOS os madeireiros serão penalizados por causa da queima dos carros!!!

Ibama bloqueia serrarias no sudoeste do Pará após atentado na BR-163


Brasília (07/07/2017) - A presidente do Ibama, Suely Araújo, determinou o bloqueio preventivo de todas as serrarias da região de Novo Progresso (PA) no sistema do Documento de Origem Florestal (DOF) após atentado ocorrido na madrugada desta sexta-feira (07/07) contra veículo que transportava caminhonetes do Instituto em Cachoeira da Serra, distrito de Altamira (PA), perto da divisa com o Mato Grosso. Equipes da Polícia Federal (PF) e da Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram acionadas para apurar os responsáveis pelo crime e reforçar a segurança no eixo da BR-163.

O objetivo das medidas é garantir a ordem e assegurar a atuação dos agentes de fiscalização ambiental na região. O Ibama encaminhou à PF áudios e mensagens em que criminosos incitam a destruição de veículos e helicópteros do Instituto. As oito caminhonetes incendiadas seriam entregues à gerência-executiva do Ibama em Santarém (PA) para renovação da frota nas bases da BR-163. O contrato do Ibama com a empresa Locamerica prevê a troca dos veículos usados na fiscalização a cada dois anos. "Foi um atentado contra ação legítima do Estado brasileiro", disse o diretor de Proteção Ambiental , Luciano Evaristo.



Assessoria de Comunicação do Ibama
(61) 3316-1015

Julho deve ter altas temperaturas em todo Estado

Julho deve ter altas temperaturas em todo Estado (Foto: Mácio Ferreira/Ag. Pará)
Grande parte do Pará apresenta altas temperaturas e baixos volumes de precipitação no mês de julho. Segundo monitoramento climático feito pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), por causa da diminuição das chuvas e redução da nebulosidade, as temperaturas devem ser elevadas em todo o Estado, com máximas diárias podendo ultrapassar os valores médios em até 3°C.
Os valores máximos de chuva na faixa norte do Pará, em julho, ficarão entre 100 e 180 mm, distribuídos em pancadas de chuvas entre o fim da tarde e início da noite. A porção sul do Estado já apresentará período seco estabelecido, com precipitação neste mês de até 25 mm, valores bem reduzidos decorrentes do predomínio de massa de ar seco na região central do Brasil.
A região centro sul e extremo sudeste paraense deve registrar temperaturas máximas diárias entre 34ºC e 37ºC, já que a massa de ar seco provoca grande incidência de radiação solar, amplitude térmica e baixos índices de umidade do ar.
Calor 
Quem pretende viajar para as praias de Mosqueiro, em Belém, e Salinópolis e Marudá, no nordeste paraense, deve ficar atento às altas temperaturas. Nos três balneários, as máximas alcançarão valores em torno de 32ºC a 33ºC. O valor médio mensal de ocorrência de chuva nessas áreas é de 217,4 mm, 129,9 mm e 136,6 mm, respectivamente. 
Em Belém, os valores máximos de temperatura devem oscilar entre 33ºC e 34ºC, com média pluviométrica próximo de 200 mm. Na Praia de Ajuruteua, em Bragança, as chuvas apresentarão valores próximos de 168,4 mm no mês, e os termômetros podem indicar até 32ºC.Segundo o diretor de Meteorologia e Hidrologia da Semas, Antônio Sousa, o Pará, entre os meses de novembro a abril, em média, tem o período de maior ocorrência de chuvas. De maio a outubro é observada a menor quantidade mensal de chuva em grande parte do Estado. “A redução da nebulosidade e das chuvas contribui diretamente para o aumento das temperaturas máximas diárias”.
Dados divulgados pelo Centro Integrado de Monitoramento Ambiental e a Diretoria de Meteorologia e Hidrologia da Semas confirmam que julho é marcado pelo início do período mais crítico de ocorrências de queimadas. As condicionantes climáticas atuais ajudam no desencadeamento e na propagação do fogo. O mês apresenta em média 1,2 mil focos de queimadas. Até o dia 5, foram registrados 74 focos. A maior quantidade registrada para este mês foi de 4.436 focos, em 2004.
(Com informações da Agência Pará)

NO AR!!!

O MUNDO MODERNO ESTÁ AQUI!
#COMPRESHOCKONLINE

FRETE GRÁTIS ACIMA DE R$ 200,00

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Presa há 15 anos, Ricthoffen quer deixar presídio

Presa há 15 anos, Ricthoffen quer deixar presídio (Foto: Reprodução)
Presa há 15 anos, Suzane von Ricthoffen, de 33 anos, pediu à Justiça para sair do regime semiaberto para o aberto. Ela foi condenada a 39 anos de prisão pela morte dos pais, em 2002, em um crime que chocou o Brasil.
No pedido, que tramita sob sigilo, os defensores públicos que fazem a defesa de Suzane argumentaram até que ela foi pedida em casamento, além de enumerar outros motivos para a progressão, como bom comportamento e pontualidade no trabalho de corte e costura que executa dentro do presídio de Tremembé.
Em um documento anexado ao pedido, a diretora do presídio, Eliana Maria de Freitas, a quem Suzane chama de “mãe”, declara que Ricthoffen é uma presa de “comportamento exemplar”.
MANIPULADORA
No entanto, um pedido de progressão de pena de Suzane já havia tido um parecer negativo, em 2009, pelo promotor Paulo José de Palma, do Ministério Público, em Taubaté. O novo pedido também está na mesa de Paulo.
O promotor é considerado rigoroso em seus pareceres e negou o primeiro pedido porque um teste psicológico chamado Rorscharch, que revela traços importantes da personalidade, aplicado em Ricthoffen, descreveu a detenta como dotada de “egocentrismo elevado” e “agressividade camuflada”, além de ser “manipuladora, insidiosa e narcisista”.
No entanto, outro teste criminológico aferiu que ela, uma vez solta, não voltaria a cometer crime semelhante.
NOVA CHANCE
Há aproximadamente um ano, em agosto de 2016, o promotor afirmou à reportagem da revista “Veja” que Suzane merece uma chance de voltar a viver em sociedade.
“O resultado do teste de Rorscharch é interessante, mas essas são características da personalidade da Suzane e não representam risco à sociedade. Para sabermos se ela realmente está apta a viver aqui fora, precisamos analisar outros elementos. Por exemplo: ela é uma presa que trabalha duro dentro da penitenciária. Isso conta ponto a seu favor”, disse o promotor na entrevista.
A tendência manipuladora de Suzane ficou evidente em 2014, quando ela passou a ter direito ao regime semiaberto. Surpreendentemente, ela pediu para continuar no regime fechado. Ao investigar o que estava por trás dessa atitude atípica, psicólogos do sistema penal descobriram que Suzane não quis deixar a cadeia simplesmente porque não tinha para onde ir.
No entanto, pouco tempo depois, ela fez amizade com uma colega de cela, Luciana Olberg, condenada por estuprar duas crianças de três anos juntamente com o namorado. Para ajudar a amiga, Luciana apresentou o irmão, Rogério Olberg, que se interessou por Suzane. Os dois namoraram e já estão planejando o casamento.
Fora da cadeia, Suzane pensa em montar uma confecção, já que ganhou três máquinas industriais de costura do apresentador Gugu Liberato, há um ano, quando deu uma entrevista a ele.
O problema é que a ex-namorada de Suzane, Sandra Regina Ruiz, conhecida como Sandrão, confiscou o maquinário e disse que só entregará os equipamentos na Justiça.
(Com informações do MSN)

IMAGINA EM JACAREACANGA!

Em queda, combustível no Pará é o 3° mais caro (Foto: Divulgação)

Em queda, combustível no Pará é o 3° mais caro

Após seguidos reajustes desde o ano passado, o preço dos combustíveis (Gasolina , Diesel-S10 e  Etanol) comercializados em postos do Pará fecharam em queda no fim do primeiro semestre deste ano, informou o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).
Para se ter uma ideia, em dezembro de 2016 a Gaolina comum foi comercializada em média a R$4,050; em janeiro subiu para R$ 4,095. Já no mês passado , custou cerca de R$3,858, com os preços variando entre R$3,379 e R$ 4,670. Assim, a queda registrada foi de 4,74.
Já o litro do óleo Diesel, em dezembro custava a R$3,445; em janeiro chegou a R$3,527 e no mês passado foi comercializado em média a R$3,311, com os preços variando entre R$2,880 e R$ 3,850, apresentando queda de 3,89%.
Por fim, o litro do Etanol em dezembro de 2016 foi comercializado em média a R$3,694, em janeiro custou R$3,758 e, no mês passado, ficpu a a R$3,552, com os preços variando entre R$ 2,999 e R$ 3,999, apresentando queda de 3,84%.
Apesar das discretas quedas, os paraenses continuam adquirindo no Estado a terceira gasolina mais cara do pais. Em média, o preço da gasolina é mais caro no Acre, custando em média R$4,150, seguida do Estado do Rio de Janeiro custando em média R$3,921. O Pará aparece em seguida, custando em média R$ 3,858, seguido do Ceará (R$ 3,839) e Rondônia (R$ 3,776). 
(Com informações do Dieese)