RASTILHO DE PÓLVORA ESTÁ ACESO

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

IBOPE REGISTRA QUE 56% DOS PARAENSES QUEREM A CRIAÇÃO DOS NOVOS ESTADOS

"SE O PLEBISCITO FOSSE HOJE TAPAJÓS E CARAJÁS SERIAM NOVOS ESTADOS"-DIZ IBOPE
Pesquisa encomendada pela “TV Liberal” filiada a Rede Globo, ao IBOPE Inteligência, publicou neste domingo, 30 de outubro de 2011, e revela que 32% da população paraense é contra a divisão do Pará, 56% é a favor e 12% está indecisa. A pesquisa, que foi realizada entre 05 e 09 de setembro, teve como amostragem Belém e mais 14 municípios de grande porte e ouviu 1.400 pessoas em 5 dias em: Abaetetuba, Altamira, Ananindeua, Barcarena, Cametá, Castanhal, Itaituba, Marituba, Marabá, Paragominas, Parauapebas, Redenção, Santarém e Tucuruí. Em se considerando a margem de erro apontada, 2,0% para mais e para menos, é possível concluir que a opinião da população paraense está à beira de uma divisão do Pará. Então ficariam os novos estados da Federação Brasileira: CARAJÁS, TAPAJÓS e NOVO PARÁ.
Fonte: Odair Corrêa
Ilustração RP

sábado, 29 de outubro de 2011

PANORAMA E ESPECULAÇÃO POLÍTICA

Itaituba - As próximas eleições municipais devem reservar surpresas não somente aos eleitores, e sim à maioria da população, haja vista que o inusitado já começa a mostrar sua face.

Não se mostra como inédita a performance politica demonstrada pelo professor Anézio, que cresce a olhos vistos em comentários de populares sua provável candidatura a Prefeito Municipal. Por outro lado, Horenice Cabral (Hospital Sto Antonio) encena seu retorno à politica atendendo apelo de correligionários dos tempos que foi uma destacada vereadora no Poder Legislativo, e ainda a corrida deve ter como estrela que está começando a brilhar Eliene Nunes que é o colírio dos políticos de plantão  sem planos de voo ainda definidos.

Sempre em destaque nos trabalhos camerais Cesar Aguiar é nome forte no pleito de 2.012, e já há uma aposta na força da mulher já que ventilam uma dobradinha entre Eliene e Horenice, com certeza, ambas, juntas aparando arestas politicas e cada qual no seu quadrado, causariam terror em concorrentes na disputa pelo Poder Executivo.

E Dudimar de retono à Câmara Federal deverá influenciar no pleito por seu corredor politico Itaituba – Belem – Brasilia; já Hilton Aguiar já não pode dizer TUDO POSSO, mas irá tentar seguir os passos de Dudimar espalhando brasa no período que antecede o pleito ou seja, agora! Nosso Cebola deve ficar na mesma, mas com perdão da redundância fará muitos chorarem.

Valmir Climaco, isso mesmo! Valmir Climaco, deve pedir aos céus, mas talvez seja no inferno que encontrará alento já que conforme comentam na cidade, Jatene do PSDB, ensaia apoiar Valmir Climaco à reeleição e para tanto teria “convidado” o colírio Eliene a criar ânimo para ser vice do Arigó... engulam essa!

Se esse conchavo estapafúrdio e inusitado acontecer, e isso é fácil se imaginar já que em politica até boi voa, como em Aveiro, está reservado ao Climaco a ira do povo de Itaituba por receber apoio de Jatene por duas razões distintas: A primeira, se em dezembro no plebiscito der o SIM que toda nossa região almeja, o povo não irá esquecer que Jatene sempre esteve contra nosso ideal emancipacionista e Valmir irá absorver tambem um pouco do presente que será dado a Jatene, e sua candidatura fará agua. A segunda, caso o desastre do NÃO prevaleça o apoio de Jatene a Valmir vai fazer o omi do Chapeu perder as madeixas como o pateta do Governador ja perdeu, perderá também a reeleição, o tino e o norte de sua vida politica.

Conversando com algumas pessoas sobre essa conjuntura politica, bem como os campos e mananciais de especulação, surgiu de repente o Botafoguense Neneca, que ouvindo as conversas de um possível enlace de Valmir e Jatene o garoto-propaganda do NÃO, esbravejando disse: É por isso que o arigó está fazendo corpo mole no movimento para a criação do Estado do Tapajós... o Fela da P... é contra... ta do lado do JATREME.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

O PECADO DA GULA

Itaituba - continua o impasse entre os frigorificos na cidade, e enquanto isso o povo amarga  o desconforto de não ter carne  bovina em sua dieta alimentar.

Enquanto uma batalha é travada na justiça entre os entes envolvidos, e o povo sofre com a falta de carne e com o altissimo preço cobrado no câmbio negro ou de carnes trazidas de Santarém, uma outra questão vem à lume. Na verdade o que desejam os proprietarios dos dois frigorificos  é que um compre o empreendiento do outro, para que seja exercido o maior crime contra a economia domestica ou popular e que o MP deve coibir, o monopolio do preço da carne. Na verdade se ficarem os dois haverá uma concorrencia e o preço tenderá a baixar enquanto somente um frigorifico  a taxação de preços ficará ao bel-prazer do proprietário. É o que se pode dizer o pecado da gula.

Em Itaituba, não deveria caber mais isso. É um atentado contra o povo. Onde estão os Vereadores, representantes do povo...

O prefeito municipal tardiamente sinaliza com providencias, ameaçando fazer um matadouro municipal e ja deveria ter feito isso e mandar essa turma que açoita  o povo mugir em outro pasto. 

PRA NÃO DIZER QUE EU NÃO FALEI DAS FLORES

VIOLÊNCIA  SEM CONTROLE ASSUSTA EM ITAITUBA
Itaituba - O principal Garoto-Propraganda do NÃOSimão JATREME, ao invés de promover em seu governo politicas sociais voltadas ao usufruto do povo, se esquece de administrar o estado e volta-se desesperadamente para apoiar a não divisão territorial do Pará. Pensa Sua Insolencia, o desgovernador, que enviar para Itaituba meia duzia de viaturas alugadas diga-se de passagem, gera algo que produza segurança publica. O assalto que foi vitima o Prefeito Municipal  Valmir Climaco   traduz simplesmente com exatidão como está a onda de violencia que assola o municipio, pensa talvez JATREME, que somente as viaturas que ofertou ao municipio, mais, utilizando-se de campanha a favor do NÃO, que propriamente investimento em segurança publica bastam, onde está o investimento em recursos humanos ? ja que tanto a policia Civil quanto a militar reclamam por falta de mais policiais, cadê investimento em armas e equipamentos e em qualificação ? - É esse o Pará que o governador quer para todos... uma vergonha!

O Estado pouco ou nada investe na economia na região, somos abandonados pelo estado e nossa unica alternativa de nos livrarmos desse abandono suscita na emancipação, ou criação do estado do Tapajós, e ainda vem  JATREME querer sufocar nossos anseios com promessas e investimentos vergonhosos. Temos que dar um basta nisso. Itaituba vive momentos de extrema violencia e o episodio que envolveu o prefeito é apenas mais um que muito provavelmente ficará no rol dos insoluveis, por deficiencia estrutural para se elucidar. Imagine o menos favorecido que é alvo direto dessa violencia urbana, como vive.

Valmir Climaco foi rendido por dois meliantes às portas de sua casa, e foi obrigado a entregar, segundo comentarios 700 reais nesta segunda feira à noite. Os bandidos  agrediram Valmir com uma coronhada e a todo custo queriam mais  dinheiro e joias. Ao final levaram 700 reais.

A policia estadual que o governador quer é essa que remete-nos a parte de uma poesia de Geraldo Vandré: "Há soldados armados amados ou não, quse todos perdidos de armas na mão..."

Aqui, não se apresenta somente miséria e sim medidas alternativas: Para se ter um estado democratico de direito solidificado onde o ser humano estará no pleno gozo de seus direitos  há uma saída. Reserve-se ao direito de contrapor-se aos ideais do JATREME, e de seus sequazes, vote SIM. Por segurança, saúde, educação, e uma economia forte. SIM TAPAJÓS!

domingo, 23 de outubro de 2011

REFENS LIBERTADOS

Conforme registra o Estado do Tapajós On line os refens dos indigenas Kayabi com articulação do senhor Secretário Nacional de Articulação Social da Secretaria-Geral da Presidência da República, Paulo Maldos, foram libertados, que no geral apresentavam satisfatório estado de saúde.

O grupo foi resgatado de helicóptero e levado até Alta Floresta e seguirá para Brasília onde será recebido nesta tarde pelo ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, segundo a assessoria do órgão. Porém, ainda não há previsão do horário de chegada.

Ainda conforme a assessoria, é bom o estado, tanto físico quanto psicológico, dos quatro funcionários da Fundação Nacional do Índio (Funai), dois técnicos da Empresa de Pesquisa Energética (EPE) e um antropólogo contratado pela EPE que estava realizando uma pesquisa junto à tribo.
Como condição para liberar os reféns, os índios exigiram do governo federal agilidade no processo de demarcação na terra indígena Kayabi, aguardada por mais de 20 anos. Além disso, eles protestam contra a implantação da Usina Hidrelétrica de São Manoel, próxima à aldeia.

E foi justamente para explicar que a construção da usina não causaria impactos negativos aos indígenas que os representantes da Funai e outros técnicos se dirigiram até a aldeia no início desta semana. Porém, acabaram sendo retidos no local pelos índios. Agora, vão continuar as negociações e uma reunião deve ser realizada ainda nesta semana com as lideranças indígenas.

VASCO NA PONTA

Vasco faz sua parte, vence o Bahia e assume a liderança do Campeonato Brasileiro
DO UOL Esporte
No Rio de Janeiro

O Vasco fez sua parte e venceu o Bahia por 2 a 0, neste domingo, em Pituaçu, e retomou a liderança do Campeonato Brasileiro, já que o Corinthians empatou com o Internacional por 1 a 1, no Beira Rio. Os gols da partida foram marcadoa por Felipe e Diego Souza para os cruzmaltinos. Com o resultado o Gigante da Colina chega aos 57 pontos assume a primeira colocação, passando os paulistas, com 55. Já o Bahia, com 37, permanece na 14ª posição, mas em situação nada confortável, já que está a apenas quatro do Cruzeiro, primeiro time na zona de rebaixamento.

O técnico Cristóvão Borges teve um problema de última hora. O atacante Elton não foi relacionado para a partida devido a uma forte gripe, chegando a estar com febre. Desta forma Diego Souza foi deslocado para o ataque e Eduardo Costa entrou no meio de campo. O jogo começou muito equilibrado. O Bahia com três atacantes era quem tinha mais a posse de bola e levava perigo nos chutes de fora da área. Dodô tirou tinta da trave direita de Fernando Prass e Fabinho carimbou a o travessão do goleiro do Vasco, tudo em menos de 10 minutos de jogo.
Com quatro volantes no meio de campo, o time do técnico Cristóvão Borges chegava pouco ao ataque. Aos 15 minutos, Eduardo Costa lesionou-se e foi substituído por Nilton. Mesmo chegando pouco ao ataque, o Vasco foi prejudicado pela arbitragem, que anulou um gol legítimo de Diego Souza. O treinador vascaíno percebeu que com o meio cheio de marcadores não chegaria a lugar nenhum e trocou Felipe, que estava na lateral-esquerda, por Jumar.

Como meia, o camisa seis cruzmaltino faz a diferença. O jogador recebeu pela direita e tocou em Diego Souza, que fez o papel de pivô e devolveu para Felipe, que com extrema categoria guardou a bola no ângulo esquerdo, 1 a 0. Com essa formação os cariocas se encontraram em campo e tiveram a chance de ampliar o placar diversas vezes.

Na volta do intervalo, o jogo não continuou bom, como na primeira etapa. O Bahia não conseguia passar do meio de campo. A falta de criatividade era tão grande que o Fernando Prass mal tocou na bola até os 25 minutos do segundo tempo. Já o Vasco, continuava mantendo a posse de bola e criando oportunidades. A mais clara foi com Fagner, que recebeu de Diego Souza e (Leia mais...)

sábado, 22 de outubro de 2011

REFENS: O IMPASSE CONTINUA

SECRETARIA-GERAL DA PRESIDENCIA DA REPÚBLICA NEGOCIA LIBERDADE DE REFENS
Jacareacanga – De acordo com informações procedentes da Aldeia Kururuzinho onde indígenas das etnias, Munduruku, kayabi, Apiaká e Kaiapó mantém diversas pessoas reféns para assegurarem direitos adquiridos sobre as terras que os indígenas Kayabi habitam por tempos imemoriais, e ainda questão relacionada a projetos hidreletricos,  o comando indígena rebelado encerrou qualquer que seja a conversa com a Fundação Nacional do Indio, vez que a proposta recebida da Funai para resolver o impasse não satisfez os indígenas que era a composição de uma comissão para questionarem em Brasilia sobre seus direitos.

Esgotada a possibilidade de negociação para a liberação dos reféns pelos indígenas com a Funai, a Secretaria Geral da Presidente Dilma Houssef determinou com extrema urgência a formação de uma equipe para negociar a liberação dos sete servidores tidos como reféns e ainda servir de ouvidoria para os reclames dos indígenas. A equipe é aguardada na aldeia neste domingo (23).

Ao ser noticiado em Brasília que a intermediação da Funai estaria prejudicada, os índios se posicionaram diretamente com o Gabinete Presidencial, ocasião em que foram atendidos pelo Secretario Geral da Presidência.

O impasse que ocasionou essa atitude radical dá-se em virtude dos projetos energeticos projetados para serem construídos no Rio São Manoel que contam as Terras Indigenas Kayabi e Munduruku, como áreas de influencias. Reivindicam também os Kayabi a demarcação de sua Terra.
A situação reinante na aldeia apesar de aparente calma preocupa, devido comentários da provavel chegada naquele local do Cacique Raoni Txucarramãe acompanhado de dezenas de guerreiros. Comentários transitados na região, dão conta que caso os índios não recebam atendimentos em suas reivindicações, os reféns serão deslocados para a região do Cururu, se interiorizando mais para o centro da floresta, para que seja dificultado o resgate dos reféns caso isso seja planejado.

Interessante de tudo é que essa tática de interiorização de reféns nessas situações, é um modus operandi de Raoni, e o septuagenário cacique nem chegou por lá.

Notavel de tudo, o engajamento pessoal do Secretario-Geral da Presidencia da Republica, para resolver o impasse com a liberdade dos refens, ele deve saber que Raoni estando no meio duas situações se evidenciam. O radicalismo do cacique, e os olhos do mundo sobre a questão, ja que Raoni, é membro honorífico do parlamento Europeu para questões indigenas.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

-QUE CULTURA!

O PERIGO É RAONI E PUIÚ KAIAPÓ

RAONI TXUCARRAMÃE KAIAPÓ
 Povo Indigena do Teles Pires em Pé de Guerra
Jacareacanga – Exigindo as presenças do Presidente da Fundação Nacional do Índio procuradores Federais e gestores do Projeto Energetico São Manuel, índios de quatro etnias (Munduruku, Kaiapó, Kayabi, e Apiaká) resolveram radicalizar visando chamar a atenção para os profundos impactos ambientais que sofrerão com a construção de hidrelétricas na região, fazendo diversas pessoas reféns na Aldeia Kururuzinho dos Indios Kayabi, entre os quais

Marcos Ribeiro Conde - analista de pesquisa energetica-EPE
Cesar Mauricio Batista - analista de pesquisa energetica-EPE
Frederico Oliveira - Antropologo EPE
Celso Gomes - Piloto de Voadeira
Vivian Sousa - Biologa Funai-Brasilia
Rodrigo Foles - Funai Brasilia
Cloves Nunes - Funai Colider/MT
Elton Mendes da Silva - Funai/Itb.

Os reféns estão sendo vigiados ostensivamente desde o dia 17 p.p. e apesar de não estarem sendo hostilizados, foram impedidos de fazerem comunicação com familiares via radio.

Os guerreiros Kayapo (Bemoro, Bepjôre e Beptopup) e o cacique Puiu Kayapo que se estabelecem mais distantes do local de conflito se apresentaram solidários aos parentes Kayabi, e através do comando do cacique Kaiapó uma centena de guerreiros estão acorrendo ao local e entre esses o líder Txucarramãe Raoni. A presença de Raoni (Onça Fêmea) preocupa sobremaneira a situação já que recai sobre o lider Txucarramãe o histórico temperamento de radicalizar quando seus intentos não são atendidos. Fato que já deve ser orientação de Raoni é a construção de gaiolas para colocar os reféns. Como se reporta Nonato Silva que está no local cobrindo o impasse, a presença e Raoni é aguardada a qualquer momento para somar esforços

Ainda sobre Raoni, na década de 90 foi criada a Administração Regional da Funai de Colider e nomeado o sobrinho de Raoni, Megaron Txucarramãe, para gerenciar conflitos vez que o comando de atos de violência contra posseiros em território indígena era ditada por Raoni, que não admitia sob hipótese alguma presença nem de pescadores. Mesmo Raoni tendo sido exposto na europa através da mídia sendo acompanhado por Sting os que apostavam ver Raoni mais humanizado se enganaram, já que ao retornar de seu giro pelo mundo, Raoni, criou condições em seu povo ao contrario do que se imaginava, e até hoje o botocudo Raoni ilustra fartamente a imprensa com seus atos de resistir a espoliação das Terras Indigenas, sejam quais forem.

A informação que meu caro amigo e confrade Nonato Silva repassou é que as presenças da Funai e da Procuradoria da 6ª. Câmara Federal de Brasilia é questão chave para se resolver o impasse e informou também que os índios já conseguiram vencer uma batalha que é a suspensão das audiências publicas que trata sobre o Estudo de Impacto Ambiental, em Jacareacanga, Alta Floresta e Paranaita.

Neste dia (21) registra Nonato, que ocorreu uma reunião com todos os guerreiros onde decidiram dar um prazo de 48 horas contando do meio dia de hoje, para que o governo federal envie o presidente da Funai e Procuradores. No encerramento do prazo, caso as reivindicações não sejam atendidas os reféns poderão ser seviciados nas gaiolas.

Por ter trabalhado na questão indígena Munduruku, Kayabi, Apiaká, ao longo de doze anos, recomendaria aos entes envolvidos extremo cuidado nessa questão, afinal Raoni Txucarramãe e Puiú Kaiapó estão capitaneando os guerreiros.
_______________
Parte das informações foram repassadas por Nonato Silva, diretamente da Aldeia Kururuzinho.

MOBILIZAÇÃO POPULAR

É HOJE, SEXTA-FEIRA ÀS 7 E MEIA - 21 DE OUTUBRO DE 2.011

ITINERÁRIO DA PASSEATA

Comunicamos que a passeata para CONSCIENTIZAÇÃO/MOBILIZAÇÃO para a EMANCIPAÇÃO dos ESTADO DO TAPAJÓS E CARAJÁS (VOTE 77!!!), terá CONCENTRAÇÃO na esquina da rua dr. Hugo de Mendonça com trav. João Pessoa (próx. ao Hotel Juliana), a partir das 7h30, da seguinte forma: Hugo de Mendonça-Paes de Carvalho-Nova de Santana-Justo Chermont-Getúlio Vargas, findando na Feira do Porto da Balsa, onde cada representante de partido terá 3 (três) minutos para fazer defesa dessa EMANCIPAÇÃO.

Compareça e faça sua parte. MOSTRE que você é favorável. VENHA E PARTICIPE!

VISTA SUA CAMISA DO MOVIMENTO E VENHA PARTICIPAR!!!

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

NORTON SUSSUARANA

Itaituba - Com uma proposta de dar um tratamento diferenciado na noticia, eis que Norton Sussuarana, que prefere ser chamado de Blogueiro à jornalista, ja que tantos blogueiros ao redor se intitulam dessa forma erroneamente ou por oportunismo, confessa; apresenta na blogosfera  sem ingerencia politica  e imparcialidade o Blog NORTON SUSSUARANA (nortonsussuarana.blogspot.com), Acrescenta o mais novo Blogueiro, querer fazer diferente na propagação da noticia: - Desnudá-la ao grau maior de veracidade.

Sobre si, Norton diz: Sou Amazônida do Oeste do Pará, Santareno de Nascimento e Adotivo de Itaituba, Onde Atualmente Pousa Meu Coração e Minha Alegria; Ser Político, Apaziguador e Contestador e Por Fim, Vascaíno e São Franciscano. 
________
Um comentario sobre a foto do Norton surrupida da web
Posou para a fotografia quando ingressou no Tiro de Guerra ou quando estava com caxumba - O cara é meio desabonitado. Felizmente é Vascaino!

Um massacre! Una vergüenza!

Do UOL Esporte
Irreconhecível, Fla é goleado pela Universidad de Chile e depende de 'milagre' na Sul-Americana
No Rio de Janeiro

Apático como a torcida ainda não havia visto este ano. Desta forma, o Flamengo se apresentou para o confronto contra a Universidad de Chile, nesta quarta-feira, no Engenhão, válido pela partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Assistindo ao adversário, que apresentou um belo jogo coletivo, o Rubro-Negro foi goleado por 4 a 0 e precisa de um milagre no jogo de volta, dia 26 de outubro, em Santiago, no Chile, para avançar às quartas de final. Rojas, Lorenzetti e Vargas (2) fizeram os gols.

A partida também marcou a estreia do terceiro uniforme rubro-negro, que historicamente não costuma dar sorte ao clube. Agora, o Flamengo junta os cacos para o importante confronto contra o Santos, domingo, às 18h, no Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. O time não contará com Ronaldinho, Thiago Neves e Renato Abreu, suspensos.

Disperso no início do jogo, o Flamengo apenas assistiu ao toque de bola da Universidad de Chile. Antes dos 10 minutos, o time chileno já havia chegado cinco vezes na área rubro-negra. Parecia ser questão de tempo o gol dos visitantes. Aos 12, Lorenzetti pegou a sobra na entrada da área e soltou uma bomba que explodiu na marcação. No rebote, Rojas chutou rasteiro no canto direito. Felipe chegou a tocar na bola, mas ela bateu na trave e foi para o fundo do gol.

Sem saída de bola, o Flamengo não conseguia reagir e era marcado com razoável facilidade pela Universidad de Chile. O primeiro chute a gol veio apenas aos 24 minutos. Airton bateu de fora da área para bela defesa de Herrera. O retrato de um Rubro-Negro desorganizado veio através do próprio Airton dois minutos depois. O volante foi expulso após entrada criminosa em Osvaldo González.

Insatisfeito e observando a apatia do time, Vanderlei Luxemburgo promoveu a primeira alteração aos 33 minutos. Aproveitando lesão de Bottinelli, o treinador colocou Renato Abreu buscando mais força no setor de meio de campo. A alteração não resolveu e o restante da primeira etapa foi marcada por uma superioridade absoluta da La U. (Leia mais...)http://www.uol.com.br/

___________
Ilustração RP

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

VIDA DE GADO – POVO MARCADO, POVO FELIZ!

TEM BOI DE PIRANHA NA LINHA 
Itaituba – Continua o desespero para quem tem na carne bovina o complemento para sua dieta alimentar e que está alternando sua alimentação com frango que até o nome causa arrepio e peixe que encontra-se mais caro que nas semanas santas.

Diante do imbróglio criado entre os frigoríficos da sede do município, e que nada parece estar sendo desenvolvido para se chegar a uma solução resta fazer a aquisição de carnes no cambio negro, e pior que isso, às escondidas comprar carnes pela periferia da cidade de procedência duvidosa, já que é fácil pressupor que a qualidade sanitária deve ganhar contornos trágicos se não fossem hilarios.

Itaituba será uma das mais importantes cidades do Estado do Tapajós futuramente e já deveria através de suas autoridades constituídas prevenir situações calamitosas como essa criada entre os fornecedores de carnes, que brigam na verdade para ficarem mais abastados, enquanto os abestados...

Perguntas e mais perguntas ficam no ar, não mais a espera de respostas evasivas, e sim de solução definitiva para essa situação que atinge frontalmente o povo.

-Porque a Prefeitura através de sua assessoria jurídica não estuda meios de intervir na contenda e abater os bovinos necessários para servir a população?

-Porque o Ministerio Publico não toma uma providencia de efeito resguardada de legalidade com extrema urgência para resolver a questão?

-Será que o Prefeito realmente é um bom administrador da causa publica, se não consegue apresentar solução para o impasse? Ou também os bois dele estão na engorda?

Essas são perguntas que não calam e sem respostas, nos envergonham.

Para se colocar mais sal no já salobro churrasco do povo, comentários versam sobre negociações de um dos frigoríficos para um politico do município, colocando no imaginário popular uma questão que não seria inédita pois tudo de absurdo ocorre por essas plagas: A celeuma envolvendo os frigoríficos serve apenas como boi de piranha para uma grande transação comercial. Ou seja, enquanto o povo degusta uma guerra, nas entrelinhas pessoas com objetivos escusos deixam tudo como está, e negociam atrás de compensações.
... e o povo não se revolta!

terça-feira, 18 de outubro de 2011

A FORÇA DAS MULHERES

O RETORNO TRIUNFAL DE HORALICE
Itaituba – Mais uma mulher sai de sua redoma de observação da politica municipal e se encoraja a candidatar-se no pleito municipal rumo ao Poder Executivo, depois de Eliene Nunes, surge um nome que já fez historia no município como uma vereadora de topete que enfrentava os vícios políticos da época com bravura, e habilidade, em que tudo quase tudo mesmo nesse tempo era resolvido à base da intimidação, até se chegar em um trezoitão. Horalice Cabral Gonçalves Oliveira, apesar de ser esposa de um renomado médico da cidade e que também se destaca socialmente, tem nome próprio e mesmo sendo ousada em dizer que saberá defender politicas sociais de efeito para recuperar o município tão dantescamente abalado conforme propala, encontra mesmo é em Antonio João o esposo e em alguns correligionários, animo para enfrentar o enfadonho corredor de campanha que está reservado a quem quer projetar-se na vida politica mais uma vez.

Quando foi destacada vereadora no município Horalice tinha como viés politico legislar contra as mazelas que se ofereciam no momento que era o combate ferrenho contra os vícios insanáveis praticados pela politica dos velhos coronéis instituída em nossa região e que em consequência fazia com que a maioria do povo constituísse uma massa de manobrada e ficasse impedida de clamar por liberdade reivindicando seus direitos às politicas sociais; -assevera um importante personagem politico que apoia a candidatura de Horalice.

A projeção politica da futura candidata a prefeita quando foi eleita Vereadora decorreu de forma surpreendente com grande e maciço apelo popular, mais surpreendente foi o recuo de cena que a fez deixar a vida politica, justificada por razões pessoais. Na verdade dada a carência absoluta de profissionais para a área de saúde onde atuava como administradora do Hospital Santo Antonio, Horalice deixou o município para habilitar-se em um curso acadêmico universitário em Bioquímica e poucos anos depois regressava para continuar sua vida profissional reforçando enormemente o elenco de profissionais de saúde no município, já que seus filhos Leonard e Leopoldine nascidos em Itaituba formaram-se em médicos.

Nos áureos tempos de sua atuação no Poder Legislativo, enquanto com sua voz e destemor defendendo o menos favorecido ecoava na a tribuna da Casa de Leis e principalmente na periferia da cidade para levar esperança de melhores dias através de sua luta; a necessidade obrigou-a a recuar para especializar-se, e hoje, mostrando sua gratidão ao povo que sempre a admirou, encena seu retorno à politica; desta vez mais ainda experiente e elevando mais uma vez sua voz muitas vezes embargada pela indignação contra o descaso e o estado de penúria por qual passa o povo com a administração desastrosa atual.

Animados correligionários estão colocando entusiasmo na candidata a candidata para concorrer ao pleito nas eleições municipais de 2.012 pelo PSD. Bem verdade que, Horalice não determina mais seus planos de voos políticos; já existe uma base formada ditando o apelo do povo por sua candidatura.

De tudo isso, Eliene Nunes e Horalice devem protagonizar novo estilo de luta em busca da prefeitura. Eliene pela força estudantil que orbita em torno de si, e Horalice também deve destacar-se porque não se assombra com pouca coisa, e de uma coisa todos devem saber que raposas astutas da politica, como Climaco que está reprovado, Hilton Aguiar, Cebola, Peninha, e outros menos decantados são mesuras inócuas que não farão dano à vontade e força de Horalice. -Quem viver verá!

domingo, 16 de outubro de 2011

-QUE CULTURA!

EU SOU ADVOGADO!

O cara tornou-se um advogado especialista, não queria saber de outra função que não fosse a sua especialidade. Um dia, em casa, sua mulher pediu:
- Querido, o ferro não esquenta. Dê uma olhada, por favor...
- Querida, acooordaaaaaa!!! Eu não sou eletricista!!! Sou advogado!
No outro dia:
- Querido, a pia entupiu. Você pode dar uma olhadinha?
- Querida, acoooordaaaaaa!!! Eu não sou encanador!!! Eu sou um advogado!!!!!
Na segunda-feira seguinte:
- Querido, a torradeira está pegando fogo!
- Mulher, vê se acooordaaaaaaa!!! (alterado) Eu não sou bombeiro, sou AD - VO - GA - DOOOO!!!!!
No fim de semana, descansando, ele descobre que tudo o que a mulher havia reclamado estava em perfeito funcionamento. E ele pergunta:
- Querida, quem fez todos esses reparos?
- Ora, querido, você lembra daquele seu amigo engenheiro que você trouxe para jantar aqui no sábado passado?
- Sim, lembro.
- Então, ele se prontificou a consertar tudo.
- Como assim? Ele fez tudo de graça?
- É claro que não! Ele me disse que eu poderia pagar de duas formas:
A. Eu faria outro prato igual ao que ele jantou aqui. Ou B. Lhe dava o prazer de um sexo bem animal...
- E o que você fez?!?!
- Querido... Helloooo... Acoooordaaaa!!!!!  Eu NÃO sou Co - zi - nhei - raaaaa...


FRASES

"A MAGISTRATURA HOJE ESTÁ COM GRAVISSIMOS PROBLEMAS DE INFILTRAÇÃO DE BANDIDOS QUE ESTÃO ESCONDIDOS ATRÁS DE TOGAS"  - Eliana Calmon -Corrgedora nacional

"EM QUARENTA ANOS DE MAGISTRATURA NUNCA LI UMA COISA TÃO GRAVE. È UM ATENDADO AO ESTADO DEMOCRATICO DE DIREITO" - Cezar Peluso - Presidente do Conselho, reagindo a declaração de Eliana Calmon

AOS MESTRES, COM CARINHO!

A LUTA DO ITAITUBENSE

Itaituba - Assistindo um programa jornalistico de final de tarde ontem (15) apresentado descontraidamente pelo apresentador Neymias, onde se fizeram presentes como entrevistados, o Jornalista Amaral, Vereador, Cesar Aguiar, Luiz Gomes da LG e ainda Patrick que mostra-se como um icone decisivo na luta pela criação do Estado doTapajós no municipio da Cidade pepita, foi facil perceber que esses entes politicos e de construção social estao irmanados no proposito de contribuirem fazendo a diferença em defesa da municipalidade.

Inicialmente, versou as entrevistas sobre a disputa entre frigorificos que estão deixando a picanha distante das churrasqueiras e como alternativa o velho e surrado frango congelado, constituindo a carne bovina como artigo de luxo para o povo. Esse assunto remete-nos aos velhos tempos da Cidade Pepita quando bois eram abatidos  em fundos de quintais sem controle sanitario. Pelo que se vê um bovino hoje finalizado por ervas ou acidente ofidico pode se transformar em um suculento churrasco, uma vez que não estão dando opção para se ter  carne fresca na mesa do consumidor.

outro assunto destacado pelo apresentador, foi com relação a criação do Estado do Tapajós onde dois expoentes dessa luta Patrick e Cesar Aguiar mostraram toda desenvoltura ao tratar com o assunto e solicitarem o engajamento popular a essa luta.

Patrick que ao que parece abandonou a barcaça Araticum à deriva, deixou patente que seu distanciamento com a Administração desastrosa de Valmir Climaco não deve servir de ruptura para o gestor municipal retirar de sua agenda politica a luta, e o convidou a estreitar laços no comitê de serviço.

Admiravel foi constatar a forma de um espaço televisivo que diga-se de passagem é bastante concorrido financeiramente abrir espaço para essas discussões de alto nivel que despertarão a municipalidade para a gloriosa luta. Breve estaremos colocando mais uma estrela na Bandeira do Brasil.

Para finalizar alem de estender meus parabens a inicativa de Neymias pela abertura de se discutir em seu programa assuntos de relevante interesse social, o brilho e a presença graciosa de Luiz Gomes que esteve no programa, que faz promoções relampago e de choques na LG, sempre é degustada pelos telespecadores, como um ponto alto onde o bom humor e o empreendedorismo mostram sempre o carisma daquele ser tão querido e sempre necessario. 

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

MANAUS APÓIA A EMANCIPAÇÃO DO ESTADO DO TAPAJÓS

SOMOS IRMÃOS DO ESTADO DO TAPAJÓS, MAS NÃO SOMOS DO PARÁ.

Evento Canta Tapajós em Manaus‏

No próximo dia 21 de outubro a UNASP- União das Associações Paraenses em Manaus, realizará no Amazon City Hall às 22 horas, um evento denominado Canta Tapajós, para comemorar o aniversário de Manaus e divulgar informações sobre o plebiscito que ocorrerá no Pará dia 11 de dezembro. No evento se apresentarão artistas regionais, entre eles estão: Cristina Caetano, Val Luc, João Otaviano, Nicolas Junior, Banda Amazon Beach, Nelson Vinenci e muito mais.

Em Manaus, segundo os últimos levantamentos do IBGE, moram mais de 300 mil paraenses oriundos principalmente do oeste do Pará. Segundo os depoimentos de quem veio morar no Amazonas, um dos motivos para essa migração se dá por conta da falta de oportunidades na terra natal. Hoje o Pará vive um momento histórico ao passar por um processo democrático em que o povo decidirá no dia 11 de dezembro se divide ou não o estado em mais duas novas unidades federativas, o Tapajós e Carajás. Aqui em Manaus a mobilização está intensa por parte dos paraenses que ainda sonham em um dia voltar para suas terras caso seja criado o Estado do Tapajós.

Com a aprovação da consulta plebiscitária na câmara dos deputados no último dia 05 de maio, a União das Associações Paraenses em Manaus, que desenvolve trabalhos na capital desde 2006, intensificou o debate sobre o tema de criação do estado do Tapajós, indo para feiras realizar panfletagem, debates e programações que reúnem centenas de pessoas.

Atualmente a UNASP conta com um espaço para discussões a cerca do tema e durante estudos e pesquisas realizadas, foi constatado que da região oeste do Pará, saem semanalmente para Manaus 14 barcos e para Belém apenas 5 barcos, o que comprova a afinidade desses moradores com o estado do Amazonas.
SIM AO DESENVOLVIMENTO

AVEIRO: ALGUNS COMENTÁRIOS DE MATÉRIA POSTADA

Os comentários abaixo versam sobre a postagem AVEIRO: GUERRA SEM FIM feita na segunda-feira, 10 de outubro de 2011.

Chegaram ao RP mais de uma dezena de comentários, e 7 dessas sumariamente rejeitados por força de conter conteúdo que provocam rivalidades ja que se constituíam ataques a honra e dignidade da pessoa humana.

Torna-se evidente que todos os comentários depois de moderados são automaticamente postados no rodapé de sua respectiva matéria não havendo necessidade de nova postagem ja que estão ao alcance dos leitores. Mesmo assim, ao publicar uma matéria e essa produzir comentários quero deixar amplamente e facilmente escancarado ao conhecimento publico a disseminação da ideia em discussão.

Particularmente sobre a postagem AVEIRO: GUERRA SEM FIM! Há insinuação de um anônimo que eu estaria à soldo do Prefeito e que não tenho direito de comentar nada sobre a politica Aveirense ja que não resido naquela cidade. Sobre isso, uma vez mais insisto em dizer que não faço em meu blog defesa de nenhum prefeito ou entes políticos que declaradamente estejam transigindo com falcatruas, como também não faço promoção paga de suas ações de trabalho.

Seria sério e honesto de minha parte publicar postagens contra o Prefeito de Aveiro, e convido os municipes quando tiverem quaisquer informações dignas de registro que se voltem contra o povo, por favor, repassem para publicação e todas que forem assinadas merecerão atenção especial. Lembrando que o anonimato é o refugio dos covardes. Sobre não ter domicilio no município impedir-me  comentar assuntos atinentes a Aveiro, aí evidencia-se burrice, ja que também não moro em Santarém, Curuá, Alenquer, Novo Progresso, Ruropolis, Trairão, Belterra, Manaus, Belem, e o foco de minhas postagens em sua maioria referem-se a essas localidades.

12 Comentários

Anônimo disse...
Vou te contar, falar de aveiro como vc é comer mamão com mel. As falcatruas políticas fazem com quê esses desmandos, a falta de justiça no município de aveiro é o maior responsável pela fiscalização eleitoral em época de eleição. amigo você não sabe a metade da missa,para falar e dizer que esse é melhor ou fulano é o pior. Todos são farinha do mesmo saco podre,todos compram votos para se eleger e o povo merece sofrer. Fale dos bens adquiridos por seu protegido, se conhece ele em dizer que ele está conseguindo progresso é brincadeira.O povo não vive de statuas em frente a cidade. Venha em aveiro e, conheça a realidade e depois você faz o seu comentário
10 de outubro de 2011 07:04
Anônimo disse...
tu es benefeciado e fica com esse papo de independente. Ve o processo prá poder falar.
10 de outubro de 2011 13:01
Anônimo disse...
Amigo Tertulino, vc não sabe nem um terço da missa. Ranilson é um espertalhão, mala sem alça, que poem manteiga depois taca piçarra. Aveiro hoje é um municipio pobre e com um povo desprovido de tudo. faço um convite a vc: VISITE AVEIRO ( comunidades de escrivão, apaceê, cametá, Tumbira) aí tu vai ver pura desgraça..... Há, a propria cidade de Aveiro tá um caos. Vá " in loco", constate a desgraça de um povo sem rumo e sem futuro, com os gestores que tem tido nos últimos anos, ai sim, vc vai ter como comentar melhor: ISSO A GENTE CHAMA DE PURA JUSTIÇA.
12 de outubro de 2011 13:33

Sávio disse...
A administração do Ranilson e a turma de Itaituba faz a gente sentir saudades da Gorete e do Sales e curriola. ÉGUAAAAAAA
12 de outubro de 2011 20:35

Anailce disse...
Viuvas do Governo Gorete, bibelôs do Fuzica deixem o cara trabalhar voces perderam as tetas. O Ranilson apesar dos pesares ta valendo mais que os anteriores. Acabou! ja era! agora é a vez de outro, vão procurar uma lavagem de roupas pra passar o tempo, ou atras do cardume de aracu que é melhor de que esse chororô
13 de outubro de 2011 01:36
__________
Remendo RP
Os comentários foram postados preservando por inteiro seu teor inclusive com pequenos problemas de ortográfia e concordancia que na verdade não alteram seu entendimento. Declara-se que não necessariamente refletem o que pensamos a respeito.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

AVEIRO: GUERRA SEM FIM

Aveiro - Por incrível que possa parecer, a instabilidade politica no município, deixa seus munícipes tal qual baratas tontas, sem conhecerem a verdade sobre os fatos, já que os entes políticos sempre se intitulam porta-vozes da razão, e disseminam suas vontades, "VERDADES" e frustrações como se pudessem substituir fatos por suposições e hipóteses.

Não temos outro município, presumo, por toda a extensão da Federação que sofreu mais com artimanhas politicas que Aveiro; além das invencionices politicas, o município é mais conhecido e marcado profundamente por desmandos e rapinagem.

Recentemente ascendeu ao cargo máximo do Poder Executivo com grande margem de votos que significa a preferencia da maioria dos eleitores do município, Ranilson Prado, que desbancou o Goretismo-Salesiano, extirpou o Fuziquismo, já abortado em sua fase embrionária que sempre hibernou na desconfiança do Aveirense, e fez criar asas no inconformismo que domina principalmente os políticos e seus correligionários vitimas das derrotas nos pleitos eleitorais.

Nunca na historia da evolução politica de Aveiro, salvo memorias que remontam a sua emancipação, deu-se fatos em que o vencedor era admirado por sua vitória pelo vencido, e neste momento hodierno da historia os fatos que se apresentam são acirrados por conta principalmente de pessoas estranhas ao convívio social Aveirense que criam sempre no seio da coletividade meios que favorecem sempre a contenda, a desunião, a intimidação, onde a anarquia é bestialmente estimulada.

Os entes políticos vencidos nessas ocasiões, se esmeram em ombrear-se com políticos de maior projeção no estado ou Federação, para aviar-lhes uma boa assessoria jurídica que, quando as decisões advindas do Tapetão, lhes fizerem sorrir; se houver essa ocasião, o cofre do município servirá como suporte adequado para retribuir o favor que valeu mais que os votos direcionado pelo povo.

Ao voltar à instabilidade politica no município e a situação do Prefeito Eleito, Ranilson Prado, que mesmo tendo uma eleição incontestável, para não se fugir a regra dominante em Aveiro, está sendo na mídia mais que nos tribunais contestada a sua eleição. É a velha pratica que retorna? Não! Na verdade isso é corriqueiro e uma desculpa esfarrapada de quem perde sempre. Para aumentar a instabilidade, o disse-me-disse, as ações maléficas que se irradiam no cotidiano da cidade de Aveiro, os contestadores, foram buscar, evidentemente com apoio$ financeiro$ de seus ícones politicos do Estado e Federação, para custear honorários advocatícios, o que de pior pode acontecer em uma disputa jurídica; um advogado que foge da busca incessante da justiça, mostrando toda sua fragilidade como profissional do Direito, para se engajar na mais sórdida campanha difamatória que existe como se isso fosse cassar o diploma do Prefeito genuinamente eleito pelo povo.

Essa mesura de advogado que foge da busca legal da situação que defende, desviando-se de sua seara para achincalhar de publico com  uma pessoa que realmente não conhece não deveria pertencer a uma Ordem Organizada e justa como a OAB e sim fazer parte dos quadros de destruidores de reputações e se muito fazer plantão em porta de delegacias para ganhar um trocado de ladrões flagrados roubando penosas.

Não tenho grau de amizade ou inimizade com o Prefeito Ranilson, não vivo sob o soldo da prefeitura nem dele, não faço matérias pagas para ninguém, meu blog não tem anunciantes, já critiquei em algumas vezes o governo Prado, e defendo apenas um povo, que mostra-se sempre como joguete nas mãos dos covardes. Não é o prefeito que querem tirar, querem na verdade desmoralizar o povo que o elegeu.

-Uma sugestão deve servir para aqueles que fazem da vida dos Aveirenses um tormento: Tomem a prefeitura de Ranilson Prado legalmente, quem se interessar terá oportunidade em 2.012 que é o ano de eleições municipais. Com essa caçada que coloca Prado como vitima, de alguma coisa está lhe servindo, de resistir às investidas dos inconformados, e o povo sempre fica do lado dos supostamente mais fraco, e um prefeito que está resistindo à caçada e buscando incessantemente o progresso para a região, sempre terá o amparo do povo, e esse amparo em ano de eleição traduz-se em votos. O povo com a ajuda dos asnos poderão levar Prado a ser reeleito.

-QUE CULTURA!

Karitiana: uma "nova Raposa" em Rondônia?

Há ONGs internacionais interessadas nos recursos naturais da Amazônia brasileira. Prova disto,  "é que as pessoas que acompanham o trabalho dos antropólogos da Funai não falam sequer o português"
Montagem meramente ilustrativa

APARATO INDIGENISTA EM AÇÃO
O imbróglio que resultou na demarcação em área contínua da reserva indígena Raposa Serra do Sol, em Roraima, com a expulsão de centenas de pessoas da região, inclusive indígenas, ameaça repetir-se em Rondônia. Desta feita, com a reserva Karitiana, que ocupa cerca de 90 mil hectares (900 km2) nos municípios de Porto Velho e Candeias do Jamari. Embora a área esteja delimitada desde 1976, o aparato indigenista está mobilizado para promover a ampliação da reserva, para 160 mil hectares (1.600 km2), o que atingiria centenas de propriedades rurais produtivas no entorno da área.

370 INDIOS E 500 PROPRIEDADES
Em junho último, sem qualquer notificação às prefeituras municipais e ao governo estadual, a Fundação Nacional do Índio (Funai) designou uma equipe para realizar uma nova demarcação da área, coordenada pelo antropólogo Felipe Ferreira Vander Velden, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), que atua na região desde 2002. Na reserva, vivem atualmente cerca de 370 indígenas e, segundo uma fonte local, no seu entorno existem mais de 500 propriedades. Segundo esta fonte, embora a Funai não tenha se manifestado a respeito, o pretexto para a ampliação seria a alegação dos indígenas de que parte dos seus territórios "tradicionais" teriam ficado fora da área demarcada na década de 1970.

ESCASSEZ DE CAÇA E PESCA JUSTIFICA  AMPLIAÇÃO
Em um trabalho publicado em 2005, Vander Velden antecipa tal argumento, ao afirmar:
É preciso destacar que a intenção dos Karitiana de recuperar ao menos parte de seu território tradicional, com a ampliação da Terra Indígena, além da importância histórica e simbólica, remete também a uma preocupação de ordem prática. Todos na aldeia são unânimes em destacar o esgotamento das reservas de caça e pesca no interior da área... a ampliação do território indígena garantiria aos Karitiana uma reserva inestimável de recursos, necessária ao bem-estar do grupo.

AUDIÊNCIA PÚBLICA DISCUTE AMPLIAÇÃO
No próximo dia 18 de outubro, a Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados realizará uma audiência pública para debater a proposta de ampliação da reserva Karitiana. A audiência foi solicitada pelo deputados Carlos Magno (PP-RO) e Moreira Mendes (PPS-RO). No evento o presidente da Funai, o antropólogo Márcio Meira, será convidado para prestar esclarecimentos aos deputados. Também está prevista a presença do diretor do Sindicato dos Pecuaristas de Porto Velho (Sinpec), Wesley Vilaça Melo, e o presidente da Associação dos Produtores Rurais do Igarapé Três Casas, Márcio Silva Maluf.

UM ABSURDO AMPLIAR T.I.  JA CRIADA
Moreira Mendes faz fortes críticas ao projeto de expansão da reserva indígena: "Isto é um absurdo! Primeiro porque fere uma decisão do Supremo Tribunal Federal, que, ao definir a criação da reserva Raposa Serra do Sol, disse claramente que não se poderia ampliar terra indígena já criada... Mesmo assim, tem alguém por trás - me parece que apenas dois líderes indígenas - querendo ampliar a reserva. Então, tem alguma coisa muito grave por trás disso, e a gente tem de denunciar".

Para ele, por trás da iniciativa, estão ONGs internacionais interessadas nos recursos naturais da Amazônia brasileira. Prova disto, diz, "é que as pessoas que acompanham o trabalho dos antropólogos da Funai não falam sequer o português (Agência Câmara, 13/09/2011)".

AMPLIAÇÃO DE RESERVAS E OS  IMPACTOS NEGATIVOS
Se a reserva for ampliada, avalia Moreira, haverá impactos negativos em Porto Velho, Candeias do Jamari e no distrito de Triunfo, bem como em toda a região do Alto Rio Preto: "Hoje é a reserva Karitiana, na região de Porto Velho; amanhã, pode acontecer na região de Corumbiara, de Guajará-Mirim... vão querer ampliar reservas sem necessidade e sem poder. Por isso, alerto a todos para que, ao tomarem conhecimento de qualquer coisa nesse sentido, procurem as autoridades competentes".

Curiosamente, Moreira afirma que muitos indígenas não querem a ampliação da reserva, sendo que alguns deles irão à audiência no dia 28 para afirmar isto.

INVENÇÃO DE BRANCO COPIADA PELO PAJÉ
Um outro trabalho de Vander Velder confirma que alguns líderes indígenas têm recorrido a meios espúrios para expandir a reserva. Um deles, o pajé Cizino Dantas Karitiana, chegou a estabelecer uma maloca à margem do rio Candeias, em 2003, fora dos limites da área. Apesar da reação violenta de fazendeiros vizinhos, que atearam fogo à maloca, com a intenção de frustrar as intenções do pajé, os representantes regionais da Funai deram total suporte à liderança indígena para a reconstrução da maloca, que lá se encontra até os dias de hoje - sendo usada como um dos argumentos para a expansão da reserva (Felipe F. Vander Velden, "De volta para o passado: territorialização e 'contraterritorialização' na história karitiana". In: Sociedade e cultura, Universidade Federal de Goiás, vol. 13, no. 1, janeiro-junho de 2010, pp. 55-65.)

FRENTE POPULAR AGE CONTRA AMPLIAÇÕES INDISCRIMINADAS
Em 4 de outubro, um grupo da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) se reuniu com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cézar Peluso, para discutir a problemática da criação e ampliação indiscriminadas de terras indígenas no Brasil. Esta foi a segunda reunião da FPA com autoridades federais para pedir providências urgentes em relação ao problema. Na semana passada, os parlamentares estiveram com o ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro, e o advogado-geral da União, Luis Adams.

Na ocasião, Moreira Mendes, que preside a FPA, mencionou o caso da reserva Karitiana. Segundo ele, Peluso se mostrou surpreso e perplexo com as informações levadas pelos parlamentares: "Ele nos disse categoricamente: 'Nós no STF não sabíamos disso!'"
PASSO IMPORTANTE - EXAGERO!
Moreira considera que a reunião no STF foi mais um passo importante na estratégia da FPA de levantar o debate nacional sobre a criação e ampliação indiscriminadas de terras indígenas. O objetivo é devolver ao Congresso Nacional a competência para legislar sobre o tema, já havendo um projeto de lei (4791/09) neste sentido. "Já estamos pedindo audiência com o procurador-geral da República e, ao mesmo tempo, discutindo esse problema aqui no âmbito da Câmara dos Deputados, porque há um exagero. Nós não temos mais índios para isso. O Brasil tem hoje 16% do seu território ocupado com terra indígena. Será que ainda tem tanto índio assim para continuar criando terra indígena, como acontece hoje?", questiona o deputado.

INTERESSES ESCUSOS
Na avaliação do presidente da FPA, "há interesses escusos de outros países e maus brasileiros por trás dos movimentos de criação e ampliação de reservas indígenas (Agência Câmara, 4/10/2011)".

Assim como já ocorreu com o projeto de reforma do Código Florestal, a mobilização na Câmara dos Deputados em relação às ações do aparato indigenista é crucial para restabelecer a soberania plena do Estado nessa questão crítica para os interesses maiores da sociedade brasileira.
 roberto moreira -  robertomoreira.pa@hotmail.com
_______Remendo RP
Ilustração, comentario e destaque RP
Essa febre que assola a fábrica de ampliações tambem está atingindo Jacareacanga.
A Terra Indigena Munduruki foi ampliada de 900 mil hectares para 2 milhoes e Duzentos mil hectares, e hoje com a instituição de reservas (APA e Flona) que margeiam parte da  Terra Indigena Munduruku tanto o Instituto Chico Mendes quanto o Serviço Florestal Brasileiro, estão tentando criar uma zona de amortização em defesa dos Munduruku  alegando que poderia causar impacto social, cultural e economico aos indigenas... Pasmem! Tudo isso acontecendo em desfavor de uma população não india que continuamente está perdendo espaço para viver.
Os Munduruku não precisam de terra, precisam sim é de promoção de saúde onde a malária, a desnutrição e o descaso da Funai contribuem para viverem na miséria e ocorrer alto indice de Mortalidade entre eles.

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

CENSO E POLÍTICA: A LEI DE GERSON NO KIBA

Jacareacanga - Em que pese a postagem que versa sobre irregularidade no PTB em Jacareacanga destacado no Blog Portal Buré, que cita meu nome como filiado naquele partido, tenho a esclarecer e comentar que se bem observada a informação meu vinculo com aquela agremiação partidária não passou de uma fraude, o que era comum e corriqueiro por essas bandas até algum tempo, e que foi prontamente anulada a filiação pelo mm. Juiz Eleitoral a meu pedido pois nunca firmei tal vinculo e estranhamente apareceu esse registro no cartório eleitoral.

FABRICA DE DUPLICIDADE EM FILIAÇÕES - LISTA TELEFÔNICA DE CUIABÁ
Esse fenômeno deixou de ser inédito por essas brenhas, pois muitas pessoas filiadas em determinado partido quando sonhavam participar da corrida eleitoral viam-se impedidas pois apareciam filiadas em outras siglas, com dupla e até tripla filiação. Pasmem! No período dessas fantasmagóricas filiações o município expandiu-se demograficamente graças também a artifícios de gestores que inventaram, à guisa de receberem maior fatia do bolo da união o quantitativo populacional que somente em 2.010 o IBGE por estranhar a superpopulação apresentada em seus censos, esmerou-se em coibir tal abuso e além de fazer um trabalho censitário contrapondo-se às invencionices de praxe no município, prejudicou profundamente a região pois de uma população real de 22 mil pessoas encontrou somente 14 mil, já que diversos aglomerados humanos por suas posições geográficas de difícil  acesso não foram visitadas. No período da Lei de Gerson, os fabricantes de população projetaram quase 40 mil habitantes. Um dos recenseadores da epoca que foi convencido a ajudar a inventar a população do município, disse que antes de sair para o campo ganhou de presente para ajuda-lo em seu trabalho censitário um volumoso livro que na verdade se tratava da lista telefônica de Cuiabá. È facil presumir para quê.  

DUPLA FILIAÇÃO, ENGESSAMENTO  POLÍTICO E MÁ-FÉ
Voltando às filiações, não é dificil pressupor que a má-fé empregada em se filiar pessoas em dois ou mais partidos visava deixar essas pessoas fora do pleito, como é fácil imaginar que o autor dessas façanhas não queria concorrências, e agia como um rolo compressor, tão decantado nesse município em tempo não muito distante.

BRINCANDO COM A VIDA DE PESSOAS E COM A LEI
A postagem no Portal Buré, que transcrevo abaixo daquele  deixa evidente esse artificio tacanho e que só pessoas de maus costumes fazem, que é criminosamente “brincar” com a vida de pessoas e com a legislação eleitoral, já que o extrato exibido no Buré extraído do Sitio do TSE que é verossímil expressa escandalosamente invencionices que prejudicam pessoas e seus anseios.

Inscrição: 014235741392
Nome: WALTER AZEVEDO TERTULINO
Partido: PTB - PARTIDO TRABALHISTA BRASILEIRO
UF: PA
Município: JACAREACANGA
Zona: 102
Seção: 0004
Data de Filiação: 07/07/1988
Data de Desfiliação: ---
Data de Cancelamento: 14/12/2009
Data de Regularização: ---
Motivo do Cancelamento: Judicial
Tipo do Registro: Oficial
Situação: Cancelado
É notório se constatar erros crassos na inscrição acima senão vejamos:

- A suposta filiação ocorreu em 07.07.1.988 (Jacareacanga foi elevada a categoria de município somente 5 anos depois) como poderia ter sido feita a filiação nessa data?

-Fui informado pelo Cartório Eleitoral quando questionei minha fraudulenta filiação que não havia registro do PTB na 102ª. Zona Eleitoral. Então como fui filiado se não havia o partido?

CANCELAMENTO DE FILIAÇÃO E APURAÇÃO DE RESPONSABILIDADES
Por tudo isso a própria informação acima mostra que o Juizo Eleitoral cancelou por proposição judicial a filiação no dia 14.12.2009, mostrando a situação atual como cancelado.

Tal decisão judicial deveu-se a um requerimento que expedi ao Juiz Eleitoral mostrando com riqueza de detalhes que fui vitima de uma ação fraudulenta já que sequer havia a sigla nesta cidade bem como a data da filiação que ate torna-se cômica tendo ocorrida meia década antes da emancipação do município, talvez nessa data nem se almejasse a emancipação. Ao requerer a anulação da filiação, foi requerido também a apuração de responsabilidade e o nome ou nomes dos autores, que deveremos fazer esse acompanhamento a partir desse sinal recebido de meu confrade Anderson Pantoja.

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Quando os bons cruzam os braços, os maus vencem

e-mail recebido de meu querido amigo Norton Sussuarana (Onça) um idealista de progresso para a região, que   mesmo não necessitando economicamente se envereda pela politica partidaria em busca de curar vicios insanáveis que travam o progresso, instituem o desserviço social e deixa o cidadão à margem da plenitude e gozo do Estado Democratico de Direito. 
Os destaques e imagem são de responsabilidade do RP

Caro(s) Amigo(s),
Hoje Itaituba vive um momento ímpar em sua política, com uma inversão gritante de valores, onde a Prefeitura é quem FISCALIZA a Câmara de Vereadores.

FALTA DE EMPENHO E AUSENCIA DE APELO POPULAR
A sociedade, empresários principalmente, não está atuando para uma campanha mais ativa pela emancipação do Estado do Tapajós/Carajás e fica alheia das audiências públicas para discussão dos investimentos que irão ocorrer em nosso município.

CONVITE SEM RESSONÂNCIAMandei para diversos amigos/conhecidos tema para debate, via e-mail, que seria sobre as AUDIÊNCIAS PÚBLICAS que ocorrem pela parte da manhã, para que aconteçam à noite, com expedição de convites às faculdades/universidades/escolas. Recebi três respostas onde sempre há menção sobre a inércia do(a)s Vereadore(a)s quanto a um debate maior nessas audiências com a comunidade em geral, bem como sugestões de local para essas audiências.

Mas o que me causou preocupação tamanha, com exceção do blog ITAITUBA HOJE, foi que nenhum outro blogueiro deu resposta e, muito menos colocou o assunto em pauta. Dá a entender que há um pacto de silêncio com os vereadores!

CABRESTO CURTO E CURRAL PARA MANOBRA POLITICA
Conto aqui uma situação que presenciei em uma audiência pública: Um vereador pediu ao diretor da empresa que ali estava explanando seus investimentos, quando este fosse fazer a relação dos empregados a ser contratados pela empresa, deveria esse diretor, primeiro passar essa relação para os vereadores, pelo fato, dizendo o vereador, que eles conheciam muitas pessoas e assim poderiam empregar seus "conhecidos". Vejam o absurdo!

Agora, imaginem o que deve ocorrer por debaixo dos panos. Precisamos de um empenho maior e URGENTE!

Assim, como vice-presidente do Partido Verde-PV em Itaituba/PA, e preocupado com o futuro de nosso município, futuro esse que será de nossos filho(a)s, convido-os para se filiarem ao nosso Partido Verde e juntos lutarmos para que possamos ter uma sociedade melhor e mais justa.

RENOVAÇÃO NO PODER LEGISLATIVOOs edis mostram e demonstram, todos os dias, sua conveniência/subserviência ao Executivo. Cabe a nós, a sociedade organizada, sermos contra essa hereditariedade política que há entre esses dois poderes.

A Câmara de Vereadores de Itaituba precisa e deve ser RENOVADA e o Partido Verde-PV coloca-se a disposição do(a)s pretenso(a)s candidato(a)s para o cargo de vereador(a) que queiram ter compromisso com essa mudança.

Com as construções de diversos empreendimentos, energéticos, minerais e graneleiros, devemos estar atentos não tão só para os problemas ambientas que possam advir, mas principalmente, para o socios-econcômicos!

PV SERIA A SOLUÇÃO?
VENHA FILIAR-SE AO PARTIDO VERDE-PV. Anexo a este e-mail, Ficha de Filiação, devendo esta, após preenchida seer devolvida ao remetente,se possível, na Justiça do Trabalho, das 8h às 13h.

Caso não more em Itaituba, procure o Partido Verde-PV em sua cidade e faça sua parte!!!
Quando os bons cruzam os braços, os maus vencem - Martin Luther King
Saudações Ecológicas!
Norton Sussuarana
__________